Notícias

Estudar para concurso com pouco tempo é possível?

Estudar para concurso com pouco tempo é possível?
21-01-20 | Dicas de Estudo | admin |

Muitos querem começar a estudar, mas a desculpa é sempre a mesma: falta de tempo. E para aquelas pessoas que têm que lidar com uma vida normal, ou seja, trabalhar o dia todo, cuidar dos afazeres da casa e cuidar dos filhos, passar em um concurso público se torna um sonho difícil de alcançar. Difícil de alcançar não é a mesma coisa que ser impossível. Tempo, na verdade, não é tudo. De fato, tempo demais pode ser um problema.

Quando tempo demais pode atrapalha

Um dos maiores problemas para quem estuda para concurso pode ser o excesso de tempo, por mais estranho que isso possa parecer. Muito tempo para estudar gera procrastinação, mas somente se você não tiver um bom plano de estudos. Gerenciar o tempo é crucial para um bom plano de estudos.

Vamos falar sobre 3 bases para seu plano de estudos: tempo, disciplina e técnicas de estudos adequadas. Se você não tiver tempo disponível para estudar, não adianta boas técnica, bons materiais ou organização que vá ajudar você a passar em concursos. Da mesma maneira, mesmo que você tenha todo o tempo do mundo e bons materiais, sem disciplina, você não irá conseguir seus objetivos.

Sem a técnica certa você não evolui

Estudar para concurso hoje é bem diferente. É preciso técnicas certas para serem usadas por você de acordo com sua rotina. Isso o nosso Blog está cheio. O Fábrica de Policiais também é uma opção importante para você que quer mudar sua maneira de estudar para concurso, pois sua aprovação é treinável!

Seguimos a ideia do O princípio de Pareto (também conhecido como regra do 80/20, lei dos poucos vitais ou princípio de escassez do fator) que afirma que, para muitos eventos, aproximadamente 80% dos efeitos vêm de 20% das causas. Dessa forma, acreditamos que 80% do que cai na prova está em 20% do conteúdo a ser estudado. Por isso mantendo uma disciplina e uma rotina de estudos não será difícil passar no concurso dos seus sonhos.

Para que isso ocorra é preciso que você tenha um estudo ativo (link. É fácil notar uma melhora nos estudos quando você se coloca em uma posição ativa com relação ao conteúdo a ser aprendido. E como ser ativo nos seus estudos? Um meio é fazendo muitas questões anteriores da banca do seu certame.

Faça seu material de revisão baseado em questões

Responder questões é a única forma de realmente acompanhar o seu progresso no entendimento do conteúdo estudado ao longo do tempo. Você deve responder muitas questões. Por isso criamos nosso grupo fechado de questões, o Grupo de Preparação Intensiva (GPI).

Fazemos no nosso GPI uma bateria de questões todos os dias, das mais variadas matérias. Notamos a evolução dos alunos ao longo do tempo, uma melhora no aprendizado e na compreensão de como responder questões. Por isso concluímos que com treinamento você irá verificar sua taxa de acertos e manter metas bem objetivas para aumentar esse número.

Como outra vantagem também, irá criar seu próprio conteúdo de revisão, esquemas e mapas mentais, pois já saberá pontos verdadeiramente importantes que poderão ser cobrados.

Já está mais do que comprovado pela ciência de que nosso cérebro precisa de certas “âncoras” para armazenar uma informação. Assim, os mapas mentais e resumos ilustrados funcionam como uma espécie de âncora para ajudar a recuperar informações que você já sabe. Por isso, o ato de criar mapas mentais, desenhos e esquemas ajudam na absorção de conhecimento e agilizam futuras revisões.

Nosso intuito é trazer aqui um pouco das 10 horas de treinamento do nosso Fábrica de Policiais. No nosso Blog, você pode encontrar um pouco do que passamos aos alunos do Fábrica. Mas de nada adianta se você não tiver disciplina e foco no seu objetivo. Entenda que estudar para concurso é abrir mão de algumas coisas agora para ter a liberdade de fazer todas elas depois com mais tranquilidade.  Veja esse recado que o Renan deixou no nosso Instagram para você.

Operação Federal no Instagram

Operação Federal no Facebook

Fabrica de Policiais

Grupo de Preparação Intensiva (GPI)

Comentários