Notícias

O que faz um Agente da Polícia Federal?

O que faz um Agente da Polícia Federal?
28-10-19 | Notícias Concursos | admin |

É interessante como várias postagens sobre as carreiras de alguns cargos começam falando da remuneração que o cargo tem. Aqui no blog estamos dispostos a te falar sobre a carreira, afinal, você estuda para ser um futuro policial, seja Policial Federal seja Policial Rodoviário Federal. Se o seu sonho é realmente esse, excelente! Já é um passo dado na direção desta publicação.

Para essa postagem vamos focar em Agente da Polícia Federal. É valido pedir que você deixe seu comentário se quer mais detalhes além daqueles que iremos colocar aqui.

Quais áreas existem na Polícia Federal?

Nesta sua jornada de estudos até aqui você já deve saber que existem vários cargos dentro da PF. Se não sabe, vamos te falar quais são. Na PF você pode seguir duas opções de carreira: a policial ou a administrativa. Como policial você terá a possibilidade de optar por 5 funções: Delegado Federal, Agente Federal, Escrivão Federal, Perito Criminal Federal e Papiloscopista. Já na área administrativa são contratados profissionais sem necessariamente terem relação com a carreira policial. Como exemplo podemos citar a área de psicologia, relações públicas, administrador, contabilidade, engenharia etc.

O que faz um Agente da Policial Federal?

O Agente de Polícia Federal irá trabalhar para manter e garantir o cumprimento da lei, suas atribuições exigem que ele consiga montar o quebra-cabeça de inúmeros casos investigados. De que forma? Efetuando prisões, entregando mandados, fazendo buscas, reunindo evidências e provas, e realizando o trabalho operacional relativo a determinado processo investigativo.

E o trabalho de fronteira, como é? Neste caso, será de sua atribuição fiscalizar a fronteira do país em determinado estado da federação, garantindo o necessário funcionamento da ordem do nosso país. Essa repressão pode ser ao tráfico ilegal de pessoas, de armas, de drogas, de mercadorias e etc.

Onde um Policial Federal pode trabalhar?

Já que anteriormente citamos a fronteira como um ponto de fiscalização e atuação do Policial Federal, vamos enumerar outras possíveis áreas de atuação.

Existe a possibilidade de você ser lotado em uma delegacia descentralizada ou em uma superintendência.

Então posso livremente escolher onde quero trabalhar? Também não é bem assim, a Administração Pública é quem vai escolher a melhor alternativa para ela.

Vai da necessidade do órgão para aquele concurso. Se houver a necessidade de 50 agentes na fronteira do Brasil com a Venezuela ou em uma superintendência do norte, e você estiver na lista de próximos convocados do concurso, aí você vai para essa localidade!

Existem outros locais interessantes para se trabalhar: Delegacias de Investigação de Crimes contra o Patrimônio (DELEPAT), Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE). Há ainda unidades responsáveis por operações especiais: Coordenação de Aviação Operacional (CAOP); Núcleo Especial de Polícia Marítima (NEPOM), Comando de Operações Táticas (COT) e os Grupos de Pronta Intervenção (GPI).

Jornada de trabalho de um Policial Federal

A rotina é difícil de ser planejada por conta do dinamismo e das atribuições do cargo. Enquanto alguns procuram o serviço público para realizarem funções burocráticas, o Agente da PF possui atividades sem rotina específica, como executar investigações e atuar na prevenção e repressão de ilícitos penais, como citado anteriormente. Tenha em mente que a profissão muitas vezes é estressante, pois envolve exposição diária ao risco.

Os benefícios da carreira de Policial Federal

O pensamento vem logo no salário, na estabilidade que o cargo propõe, no status e em todos aqueles benefícios que vem com o cargo público.

O que vale aqui ressaltar é que, além desses benefícios citados, o servidor que tem a vocação para a carreira encontrará realização profissional e satisfação de executar os serviços da carreira de Agente de Polícia Federal. Sua dedicação ao serviço público implicará diretamente no ambiente de trabalho, promovendo bem-estar e repercutindo em eficiência na execução das tarefas do dia a dia.

É importante citar também que o dia a dia de trabalho nem sempre tem o charme das grandes operações que a mídia mostra, por esse motivo que a remuneração não deve ser o fator determinante para a escolha do cargo, mas sim o sonho de se trabalhar com aquilo que gosta.

Plano de carreira da Polícia Federal

Como você já deve saber, e se não sabe diremos aqui, a cada classe que subir seu salário será maior. E como progredir no cargo? De acordo com o decreto 7.014 de 2009 os requisitos para a promoção nos cargos da Polícia Federal são:

1 – Exercício ininterrupto do cargo:

  1. a) na 3° classe, por 3 anos, para promoção da 3° para a 2° classe;
  2. b) na 2° classe, por 5 anos, para promoção da 2° para a 1° classe;
  3. c) na 1° classe, por 5 anos, para promoção da 1° para a Classe Especial;

2 – Avaliação de desempenho satisfatória; e

3 – Conclusão, com aproveitamento, de curso de aperfeiçoamento.

Parágrafo único.  Interrompido o exercício, a contagem do interstício começará a correr a partir do retorno do servidor à atividade.

Este foi um breve comentário da carreira de Agente da PF. Se você tem alguma curiosidade sobre esse cargo, ou de qualquer outro das carreiras policiais, deixe nos comentários que faremos uma postagem sobre ele. Lembrando que a Fábrica de Policiais irá te motivar e orientar a conquistar o seu sonhado cargo. Nos siga nas redes sociais e deixe seu comentário em nossas postagens, isso nos ajudará a preparar um material voltado para a sua necessidade.

Comentários